A Miopia é um problema visual cada vez mais comum na população mais jovem.  A Miopia Infantil é um distúrbio visual que pode ser diagnosticado desde bebes. As crianças que sofrem desta patologia conseguem ver com clareza os objetos e imagens que se encontram mais perto do campo de visão, no entanto para um campo de visão longe vêm os objetos com alguma dificuldade. 

Hereditariedade

Uma criança cujo ambos os progenitores sofram de miopia, tem uma grande probabilidade de vir a sofrer do mesmo.

Isto é, quando existe uma família em que ambos os pais são míopes, a expectativa é pelo menos um de dois filhos vir a sofrer do mesmo problema visual. Quando apenas um dos pais é míope, pelo menos um em cada três filhos tem probabilidade de o vir a ser também. Por fim, quando nenhum dos pais tem este problema visual, estima-se que um em cada quatro filhos do casal seja míope.

 

Estilo de Vida

Pouca exposição ao ar livre.

Muito esforço visual.

Longas exposições a aparelhos eletrónicos

Além da genética, o estilo de vida pode provocar diretamente o aparecimento ou a aceleração da miopia. Alguns dos comportamentos que apresentam maior risco para este problema visual é a pouca exposição a ambientes exteriores, espaços que exercitam a visão mais periférica e com diversos ângulos e focos.

A fraca luminosidade ao longo do dia em espaços fechados, principalmente durante o período da noite pode suscitar problemas visuais, como a miopia. Quando se encontra em ambientes fechados, regule a iluminação da mesma às tarefas desempenhadas, especialmente se estiver a fazer atividades que requerem maior esforço visual, como por exemplo, leitura, escrita, trabalhos manuais, etc.

A utilização prolongada a aparelhos eletrónicos é cada vez mais recorrente entre os jovens. O uso destes aparelhos necessita de uma maior concentração visual, principalmente quando existe uma exposição prolongada e sem pausas. 

 

Estima-se que até 2050, cerca de 50% da população mundial seja míope.

 

Sintomas mais comuns

Existem diversos sintomas que podem ser sinais de alerta para o aparecimento de miopia infantil, contudo, em grande parte dos casos é difícil de detetar, uma vez que as crianças podem não fazer queixas sobre a visão e, nestes casos, é essencial perceber interpretar alguns dos seus comportamentos.

  • Dores de cabeça frequentes;
  • Esfregar os olhos constantemente;
  • Semicerrar os olhos para tentar focar objetos/imagens mais afastadas (por exemplo, ver televisão);
  • Segurar objetos perto dos olhos (brinquedos, livros, telemóvel, etc.);
  • Perder o foco nas atividades, falta de concentração;
  • Queixar-se que a visão está desfocada num campo de visão longe.

 

Além destes sintomas, recomendamos que seja realizado um exame visual antes da criança fazer um ano de idade. Detetar problemas visuais nos bebes é mais difícil e a ajuda de um profissional de saúde pode ser uma mais valia para ser realizado um diagnóstico precoce.

Caso a criança não apresente qualquer tipo de patologia visual, aconselhamos fazer um novo exame visual aquando a idade pré-escolar.

Formas de tratamento

O principal tratamento da miopia infantil é o uso de óculos com lentes adequadas à graduação da criança. Este tratamento corrige o erro refrativo e melhora significativamente a qualidade visual. 

Nestas idades, é essencial encontrar umas armações confortáveis e que se adaptem bem à idade da criança, principalmente às atividades do dia-a-dia. Atualmente, existem inúmeras armações que se adaptam ao rosto da criança, assim como a todas as atividades. Além disso, os fabricantes de óculos cada vez mais se preocupam com a segurança e estética dos mesmos. 

StumbleUponEmail