As crianças durante o seu crescimento podem desenvolver algumas dificuldades visuais. Estas dificuldades podem ter consequências negativas para o seu sucesso escolar e social e podem necessitar de recorrer ao uso de óculos.

Ao longo do seu dia a dia, as crianças que desenvolvam algum tipo de problema visual podem tornar-se mais apáticas e desinteressadas nas aulas, ou apresentarem algum comportamento mais hiperativo. Estes comportamentos podem ocorrer em situações escolares como em situações do quotidiano.

 

Sinais a ter em atenção

Dores de cabeça

Se a criança se queixar de dores de cabeça com alguma frequência quando estas nas aulas ou a fazer algum trabalho de casa é necessário que haja algum cuidado, principalmente se a dor de cabeça focar essencialmente na zona da testa. Se o problema for falta de óculos, a criança estará a forçar a sua visão.

Proximidade com aparelhos eletrónicos

Quando as crianças se sentam próximas das televisões ou aproximam os seus olhos dos aparelhos digitais, pode indicar que sofrem de miopia.

Coçar os olhos

Este sinal pode indicar fadiga ocular e deve ser devidamente estudado. Coçar os olhos pode ser um sintoma de problema visual. Nestes casos, a criança pode ter conjuntivite ou necessitar de óculos.

Sensibilidade à luz

Quando a criança mostra um incómodo num ambiente iluminado, seja luz natural ou artificial, pode indiciar que existe um problema de visão que necessita de ser tratado com o uso de óculos.

Dificuldade na leitura

No caso das criança alfabeta, quando não consegue ler corretamente, ou seja, ao ler salta frases e parágrafos, pode indicar sintomas de astigmatismo ou outra doença ocular.

 

Se detetar alguns destes casos é fundamental que leve o seu filho ao oftalmologista. Contudo, algumas doenças podem não ser detetadas com rapidez e é importante que haja alguma regularidade nas consultas oftalmológicas.

 

StumbleUponEmail